Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Destaques > Exposição de Tabelas Periódicas elaborada por aluna da Licenciatura em Química do IFSP é exibida na Semana da Química da USP
Início do conteúdo da página

Exposição de Tabelas Periódicas elaborada por aluna da Licenciatura em Química do IFSP é exibida na Semana da Química da USP

Publicado: Quinta, 17 de Outubro de 2019, 15h46 | Última atualização em Segunda, 11 de Novembro de 2019, 11h24

bannersUSP 01

A aluna Nathália Miwa, do curso de Licenciatura em Química, produziu uma exposição com mais de vinte versões históricas da Tabela Periódica. O conjunto de cartazes chamou a atenção de quem passou pelo campus São Paulo durante a SEDCITEC e um dos palestrantes fez questão de levar a exposição para outro evento, a Semana da Química da USP.

Clique aqui para ver a versão digital da exposição.

A montagem dessa exposição é parte do projeto de Iniciação Científica desenvolvido pela Nathália sob orientação do Prof. José Otavio Baldinato. A motivação para a pesquisa surgiu de uma proposição da ONU (Organização das Nações Unidas), que nomeou 2019 como o “Ano Internacional da Tabela Periódica”, em homenagem aos 150 anos da publicação original feita pelo russo Dimitri Ivanovich Mendeleev (1834-1907).

Nomeada “Visões da Lei Periódica”, a exposição com 15 pôsteres estreou entre os dias 9 e 13 de setembro, durante a Semana da Química do IFSP (dentro da SEDCITEC). Diferentes versões da Tabela Periódica foram dispostas em ordem cronológica, entremeadas por cartazes com manchetes e recortes de jornais do período contemplado. O objetivo desses cartazes é reforçar que o desenvolvimento da ciência não é alheio a contextos políticos e sociais.

O diferencial da exposição, entretanto, está na proposição original de uma Tabela Periódica que destaca os elementos químicos cujo estudo ou descoberta envolveram o trabalho de mulheres cientistas. Este foi o pôster que rendeu o maior número de comentários e elogios do público até aqui.

bannersUSP 02

O Prof. Dr. Paulo Alves Porto é historiador da ciência e foi um dos palestrantes convidados pela Comissão da Semana da Química. Em sua primeira visita ao IFSP, o Prof. Paulo demonstrou interesse pela exposição e fez o convite para que ela fosse exibida na Semana da Química da Universidade de São Paulo, que aconteceria em seguida, na primeira semana de outubro. O convite foi imediatamente aceito e a USP deu início à fase itinerante do trabalho da Nathália. A meta agora é levar a exposição para escolas parceiras do PIBID e Residência Pedagógica, além dos demais campi do IFSP.

Além da exposição, o projeto de IC da Nathália também prevê um estudo de caso histórico, aprofundando a pesquisa sobre o trabalho de uma cientista em particular, Harriet Brooks (1876-1933), que deu contribuições para nosso entendimento sobre os elementos químicos no início do século XX. Com isso, Nathália busca preencher uma das lacunas ainda presentes nas pesquisas em História da Ciência: a valorização da participação feminina nessa empreitada.

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página